>, RH Estratégico >Como as redes sociais podem ajudar no recrutamento de talentos?

Como as redes sociais podem ajudar no recrutamento de talentos?

  • recrutamento de talentos

Sabemos que a tecnologia revolucionou os padrões de relacionamento interpessoal, certo? Graças às redes sociais, nos sentimos livres para compartilhar ideias, trocar experiências e difundir objetivos comuns. Muitas empresas já reconheceram nesse fenômeno uma oportunidade de aperfeiçoar a gestão de pessoas e agregar valor ao negócio. Ao adotar as redes sociais no ambiente organizacional, é possível melhorar a comunicação interna, criar um canal de divulgação, atrair novos colaboradores e reter os atuais, priorizando o recrutamento de talentos, além de consolidar a imagem da empresa como inovadora e que acompanha as tendências do mercado.

No post de hoje, você vai descobrir como a sua empresa pode fazer uso das redes sociais como ferramenta aliada à gestão de pessoas. Continue a leitura!

Como as redes sociais podem ajudar a recrutar e reter talentos?

Hoje em dia, as redes sociais tornam os processos de recrutamento mais ágeis e eficientes. Há empresas que já adotaram o hábito de monitorar os candidatos a partir de seus perfis no Facebook e LinkedIn, por exemplo, para encontrar informações que vão além do currículo.

Dessa forma, pode-se avaliar o seu comportamento, conhecendo suas opiniões e valores pessoais e profissionais de acordo com suas postagens, compartilhamentos, tipos de páginas curtidas e comentários feitos.

A maneira de divulgar vagas de emprego também mudou: é feita principalmente nas redes sociais, a partir de posts sobre os cargos disponíveis, apresentando maior alcance de público, já que os seguidores da página da empresa podem compartilhá-los espontaneamente ou indicá-los para outras pessoas que tenham o perfil adequado.

Para chamar a atenção de candidatos em potencial, é importante que a empresa publique, em suas páginas nas redes sociais, conteúdos que sejam significativos e com os quais os leitores possam se identificar.

Também, para que o público possa conhecer a cultura da empresa, pode-se publicar vídeos descontraídos que mostrem o dia a dia organizacional, destacando os benefícios que o local de trabalho proporciona ao seu funcionário.

Além de ajudar no recrutamento, essas ações também são uma boa maneira de reter talentos e manter a equipe de colaboradores motivada.

É possível melhorar a comunicação a partir das redes sociais?

As redes sociais são o lugar perfeito para encontrar informações relevantes sobre o relacionamento de um funcionário com a empresa e como é o seu vínculo com a equipe, identificando questões relacionadas ao ambiente de trabalho, a fim de avaliá-las e buscar por soluções. Nesse caso, é importante contar com um profissional que esteja apto para essa análise e que saiba contornar possíveis conflitos.

De que forma?

Para melhorar a comunicação interna, aproximar-se dos funcionários por meio das redes sociais é uma boa alternativa. Você pode parabenizá-los por um projeto que deu certo, enviar felicitações nos aniversários — entre outras datas comemorativas — e frases motivacionais quando estiverem passando por alguma situação profissional difícil. Isso mostra que a empresa se preocupa com o funcionário, aumentando, assim, a satisfação no trabalho.

Sem dúvidas, as redes sociais modernizaram a gestão das empresas. O recrutamento de talentos torna-se mais eficiente, já que é possível fazer uma busca mais específica por profissionais que se enquadrem no ideal da empresa, e a retenção de funcionários melhora significativamente, devido à maior interação com os colaboradores, mostrando que são todos parte de um time e proporcionando um relacionamento mais horizontal.

E então, já decidiu se vai incluir as redes sociais na gestão de pessoas da sua empresa? Deixe seu comentário!

2018-06-29T09:20:17+00:00

Sobre o Autor:

Com mais de 17 anos de experiência no mercado de TI, formado em Ciência da Computação. Estudante de Filosofia e Psicanálise. Empreendedor, apaixonado por pessoas e inovação. Diretor para Negócios Cloud e Inovação na INTELLIGENZA.