Saber como delegar tarefas é uma importante atividade para os líderes e profissionais de RH. Ao fazer isso, é possível ter uma melhor gestão do seu tempo, monitorar com eficiência os resultados alcançados e conduzir à excelência o time de trabalho.

Contudo, essa atividade não é tão simples como muitos imaginam, pois demanda que a equipe entenda a importância dos afazeres e se comprometa com os resultados. Por isso, existem algumas técnicas devem ser empregadas.

Pensando nisso, criamos um post especialmente para você. Hoje vamos mostrar 5 boas práticas para delegar tarefas com eficiência para a sua equipe. Continue lendo nosso conteúdo e fique por dentro do assunto. Boa leitura!

1. Conheça seu time de funcionários

Antes de tudo, é importante conhecer seu time de trabalho e identificar as competências de cada profissional. Ao fazer isso, você vai conseguir transferir as tarefas para as pessoas certas, que realmente entregarão resultados.

Então, a dica é que se mantenha mais próximo da equipe, busque conhecer individualmente cada colaborador e seus principais pontos fortes e fracos. Assim, você saberá como utilizar essas características em benefício da empresa e do trabalho que será realizado.

2. Seja específico e defina prazos

Na hora de delegar a tarefa, é crucial que tenha uma comunicação clara e objetiva. Fale para o profissional sobre sua nova tarefa, a importância dela para a empresa e porque ele foi escolhido. Ao fazer isso, é provável que você tenha mais sucesso na missão.

Também é importante estipular um prazo equilibrado para o cumprimento da atividade. Quando isso é deixado de lado, o colaborador pode entrar em um processo de procrastinação, adiando sempre que possível a atividade.

3. Treine o profissional para a nova tarefa

Dependendo do nível de complexidade da incumbência, é importante capacitar o profissional para realizá-la com excelência. Como será possível cobrar por grandes resultados se você nem mesmo treinou o trabalhador para exercer esse trabalho?

Um bom treinamento concentra-se nos conhecimentos, habilidades e atitudes que devem ser desenvolvidos no trabalhador. Além disso, é importante escolher o modal do treinamento: online, treinamento dentro da empresa, workshop etc.

4. Ofereça suporte de forma contínua

Um grande erro é transferir uma atividade e esquecer do profissional, deixá-lo em segundo plano e focar integralmente em outras coisas. É necessário estar presente para solucionar qualquer dúvida que venha a surgir, especialmente nos primeiros dias.

Então, mais uma vez, aposte na comunicação. Diga ao profissional que você está próximo e que está disponível para eliminar qualquer dúvida. E mais, acompanhe os primeiros dias e ofereça alguns feedbacks para melhoria contínua.

5. Reconheça e recompense o trabalho

Para finalizar com chave de ouro, é importante reconhecer e recompensar o profissional pelo trabalho realizado. Com isso, você conseguirá arquitetar um senso de meritocracia na companhia. Assim, cada colaborador se comprometerá ainda mais na execução dos afazeres.

Veja, são dicas simples e que certamente contribuirão para que se tenha ótimos resultados na transferência das tarefas. Por isso, não deixe de aplicá-las em sua empresa.

Agora que está por dentro do assunto e sabe como delegar tarefas para a sua equipe, aproveite para continuar aprendendo. Siga-nos nas redes sociais (Facebook, LinkedIn, Twitter) e fique sempre por dentro das nossas novidades!